VISITE MEU NOVO SITE!

Caro Leitor,

quero convidá-lo a acessar meu novo site leonardopalmeira.com.br. Lá você vai encontrar todo o conteúdo deste blog além de informações de utilidade pública, um manual prático para pacientes e muitas novidades.

O blog continuará no ar, porém novos artigos serão publicados somente no site oficial. Espero que gostem!

26 de novembro de 2009

Short-cuts: maconha afeta fertilidade masculina


Vejam a matéria que foi publicada na Folha de São Paulo no último dia 19. Mais uma evidência de que a maconha não é uma droga tão inócua como muitos pregam por aí. Já discutimos aqui no blog o papel que a maconha tem na psicose, em particular na esquizofrenia. Este estudo da USP mostra outra consequência danosa à saúde, mesmo para aqueles que usam a droga de forma recreativa. Leiam!


Folha de S Paulo
19/11/2009

A maconha altera a produção de espermatozoides e tem impacto na fertilidade do homem, aponta uma pesquisa da USP (Universidade de São Paulo) que ainda está em andamento. Os dados preliminares, baseados na análise de 32 homens, foram divulgados durante o Congresso Brasileiro de Urologia, que aconteceu na semana passada em Goiânia.

Segundo o urologista Jorge Hallak, coordenador da Unidade de Toxicologia Reprodutiva e de Andrologia da USP, com o consumo de maconha os espermatozoides mudam de formato e perdem a mobilidade, dificultando a fecundação.

"Basta consumir a droga uma vez por semana para ocorrer a alteração dos gametas", alerta o médico, que acompanha um grupo de usuários de maconha há sete anos.

Uma linha de pesquisa parecida tem sido desenvolvida pela Universidade Queen, de Belfast, na Irlanda do Norte. Os pesquisadores examinaram o efeito da THC -a substância ativa da maconha- no esperma e verificaram que, além de dificultar a chegada do sêmen ao óvulo, a maconha prejudica outras funções do esperma, como a habilidade de romper a camada protetora do óvulo.

Hallak também desenvolve pesquisas sobre o impacto da poluição na produção de espermatozoides, principalmente nos do cromossomo Y. Ele afirma que homens que trabalham nas ruas e inalam muita poluição têm uma maior concentração de radicais livres de oxigênio no sangue, o que também prejudica a fabricação de espermatozoides de qualidade.

De acordo com o médico, é possível amenizar os efeitos da maconha e da poluição nos espermatozoides com antioxidantes. "Vitaminas como a E e a C podem melhorar a qualidade do espermatozoide. Mas o tratamento dura em média sete meses", afirma.

5 comentários:

Maria disse...

Doutor, li em algumas materias sobre ansiedade. E não sabia se aqui era o melhor lugar para escrever, mas escrevi. Faço tratamento pra ansiedade a uns 7, 8 meses. Tudo começou pq eu coloquei DIU e a assistente do médico disse: nossa vc vai sentir dor até para caminhar, com o passar dos meses lá veio essa dor, no periodo da menstruaçao eu quase morria, minha barriga inchava, sentia muita dor, depois de passado esse periodo eu ainda tinha dores, meu médico me encaminhou para fazer um exame, retirar pólipo do uutero, mas isso não mudou em nada, ai comeceio a tomar cloraxadina (acho que é esse o nome) e eu comecei a melhorar mes a mes, chegamos a conclusão que era psicologico....hj tomo também eutonis, pq tenho muita ansiedade, tem momentos que parece que preciso vomitar para passar isso, e tenho sono, tem dias q estou bem feliz, outros com vontade de sumir, compro coisas compulsivamente para me aliviar, mas passado algumas horas me sinto péssima, pois não preciso de nada mais do que tenho. Perdi meu pai e irmão a 7 anos e isso mexeu demais comigo. O Dr. poderia me explicar melhor todo esse processo? Desde já agradeco. Abraços

Dr. Leonardo Figueiredo Palmeira disse...

Maria,

na realidade os sintomas que descreve são mais característicos de um transtorno do humor do que de ansiedade, pois existem alterações do humor (felicidade alternada com periodos de humor mais deprimido) e do comportamento (compulsão por comprar, considerada uma alteração dos impulsos). O Eutonis (cloxazolam) é um ansiolítico e não trata o humor. O indicado seria que procurasse um psiquiatra para uma avaliação e um tratamento mais voltado para as suas queixas. Boa sorte e um abraço!

Maria disse...

Muito obrigado! Vou procurar ajuda, fiquei grata pela suas palavras.
A minha ansiedade, acredito que seja isso, faz com que eu não sinta os prazeres dos pqnos momentos, eu faço tudo preocupada com a hora, com minha filha, eu começo a fazer algo e nao termino, eu me sinto abalada com os problemas dos outros, isso dificulta muito minha vida. Abraços, muito obrigado!



Abraços.

Anônimo disse...

Dr, sou usuario de maconha. Uso raticamente todos os dias. Agora estou tomando um remédio chamado Eutonis e outro chamado Stavigile.
Gostaria de saber se o uso da maconha compromete o desenvolvimento do meu tratamento.
Muito obrigado.

Anônimo disse...

Dr Leonardo, mais uma pergunta.(pessoa que ha pouco perguntou sobre o uso de maconha)
O senhor faz tratamentos psicoterapicos também?pois preciso começar. Moro proximo a Bara da Tijuca e gostaria de lhe contactar.
Obrigado